Com o mercado financeiro e econômico estagnado, a confiança dos compradores e investidores diminuiu. Paira a incerteza e o receito de assumir dívidas em longo prazo. Analisando esse cenário, muitas pessoas reconsideram se as compras de alto valor devem ser realizadas nesse momento. Com isso, o sonho de adquirir automóveis e motocicletas vai ficando distante. Essa situação não precisa adiar o seu planejamento, existem alternativas para você. Os leilões são excelentes oportunidades para quem não quer arrastar dívidas e para quem deseja investir. Você sabia que existem leilões de carros nacionais e importados, de motocicletas e de peças com valores abaixo da tabela FIPE?

Para esclarecer suas possíveis dúvidas, este post traz mais informações sobre leilão de carros, motos e peças.

Por que adquirir um carro em leilão é bom para mim?

Se você ainda não estiver convencido de que os leilões são excelentes alternativas para você ofertar lances e arrematar bons lotes com valores muito abaixo das avaliações de mercado, dê uma olhadinha nos lotes disponíveis no leilão do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT2), que está com agenda aberta até o dia 25 de março de 2019 e confira as oportunidades.

Quer mais motivos para se certificar de que é uma boa escolha participar de leilão? Toda a negociação é realizada com total transparência, o edital é o principal meio de informações sobre o estado do lote e você ainda pode visitar a maioria dos bens que estão à venda pela Hasta do TRT, basta agendar com a gestora do leilão data e horário para a visitação. As condições de venda e pagamento (CVP) são claras. Não existem informações ocultas e o edital também não possui linguagem de difícil compreensão.

Agora que você já tem muitos bons motivos, saiba quais documentos são necessários para participar de um leilão

Os leilões são públicos! Por isso, não existem restrições para participar. As ofertas de lances podem ser realizadas por pessoa física capaz, maior de idade ou pessoa jurídica.

Para a pessoa física arrematar motos, carros e peças em leilões é necessário apresentar documento de identificação e comprovante de residência. No caso de pessoa jurídica, o representante da empresa deve dispor da cópia do contrato social da companhia e procuração para participar do leilão.

Os leilões também acontecem on-line, basta se cadastrar no site da Lut Leilões e acompanhar o leilão pelo auditório virtual.

Baixe o E-book: Passo a Passo para participar de um leilão de imóveis

Quando o participante de um leilão presencial deseja arrematar, o interesse pode ser manifestado de forma verbal, por aceno ou  placa com identificação numérica .

Quem participa de leilão eletrônico deve efetuar seu login no site da Lut e ofertar o seu lance no campo indicado. As disputas ocorrem de forma igualitária entre os arrematantes presenciais e on-line.

Qual é o prazo para retirar o carro, moto ou peças arrematadas?

O prazo de entrega depende muito do ofício que é responsável pela vara que deu origem ao processo em leilão, pois ele que receberá a ordem do juiz para emitir o mandato de retirada do bem. A dica é sempre ter a assessoria de um advogado para peticionar no processo e agilizar o procedimento de retirada deste bem.

Conclusão

A aquisição de um automóvel não precisa ficar fora do seu planejamento. Embora exista uma crise no país, os leilões oferecem ótimas alternativas para você.

Esperamos que este conteúdo tenha colaborado com a sua decisão.

Para sanar dúvidas, disponibilizamos o nosso kit de conteúdos sobre leilão de carros e caminhões. Além disso, você pode entrar em contato por meio dos nossos canais de atendimento.

Confira as oportunidades da Lut Gestora de Leilões.